Você entende o que eu falo? – Insight

Padrão

Às vezes recebo mensagens de gente que diz: “Adoro o que você escreve, mas me parece utópico”. Ainda que eu não promova técnicas, religiões, rituais, nada a não ser a importância de prestarmos atenção na vida, esse tipo de olhar é recorrente. Melhor desqualificar o “mensageiro” do que refletir na “mensagem”. Ela pode nos tirar de zonas de conforto e revelar padrões adoecidos, difíceis de encarar, mas absolutamente necessários para enxergar a si mesmo e naturalmente amplificar o jeito que vê a vida. Você entende o que eu falo? Nesse vídeo abaixo um papo que pode lhe ajudar. Fique bem!