As coisas importantes

Padrão

Se aprendêssemos a nos comunicar nos silêncios, nas pausas, das idas, nas distâncias, certamente usaríamos as palavras com muito mais eloquência. Elas diriam apenas o necessário e as coisas importantes não precisariam de explicação, simplesmente aconteceriam com naturalidade.

Contradições

Padrão

As coisas são o que são, as pessoas convivem com suas escolhas e sofrem interferências de escolhas alheias, mas o grande erro reside em tentar anexar juízo quando tenta interpretar uma história, ou na tentativa de explicar determinada fatalidade, desconsiderar que você nunca entenderá a razão de possíveis contradições simplesmente porque elas não se aplicam a você.

Cada humano é um mundo e só ele poderá dar significado ao que lhe acontece, seja a criança que nasceu doente ou a sã.

Seja o pobre ou o rico.

Aquele que convive com ótimas oportunidades ou a pessoa que nunca entrou em uma escola. Olhar para eles e tentar interpretar cada contradição a partir de você é completamente diferente de saber que cada contradição só passa a fazer sentido a partir do olhar de seus protagonistas.

Esse, mesmo que não veja, está diante da contradição que carrega em si inúmeras possibilidades únicas e específicas.