Significados

Padrão

Enquanto humanos, cada um de nós experimentará toda sorte de acontecimentos, sejam os que definimos como bom, sejam aqueles que não se encontram nenhuma perspectiva para chamá-los de outra coisa a não ser maus, tragédias, dores. Todos teremos que lidar com esquinas, desvios, acidentes de percurso que exigirão mudança de caminho, alteração de planos, redefinição de escolhas e, aí é que está: mais do que a simples diversidade de experiências, é aquilo que escolho fazer com elas que definirá quem sou e o que estou me transformando.

Depois do luto, passada a perplexidade, superado o vazio, o que vou fazer com isso? Que nome darei a tragédia? O que farei com a perda?

De fato, na caminhada há muitas surpresas e tem dias que gostaríamos que nunca tivessem existido, mas é assim que crescemos aprendendo a dar nome as coisas, chamando-as pelo que são e entendendo que posso superá-las, transformá-las e, apesar das dores, como as dores de um parto, renascer do luto, ultrapassar as perdas, enfrentar os medos e escolher ser alguém melhor. – flaviosiqueira.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s