A importância do silêncio

Padrão
Anúncios

As grandes respostas

Padrão

Você que anda inquieto, preocupado, tentando encontrar uma solução para algum problema. Saiba:

As grandes descobertas, as percepções mais profundas, os insights mais iluminados, os entendimentos mais essenciais não nascem de mentes sobrecarregadas, nervosas, pressionadas pela necessidade de superação, de produtividade, competitividade, autoafirmação. Isso só afunila sua possibilidade de compreensão.

As grandes percepções acontecem em mentes relaxadas, abertas, desimpedidas, corações pacificados, conectados em simplicidade. Esses, quando menos esperam, prestando atenção no simples, vivendo a cada dia sua própria porção, presentes no agora, de repente, percebem, simplesmente veem. A resposta que você precisa já é. A solução já existe, está tudo ai. Você só não vê porque resiste em aquietar-se.

Uma mesa para todos

Padrão

Quando vejo a situação do país, dos trabalhadores de maneira geral, do povo que pensa que é prospero porque o banco vende juros no carnezinho da TV de plasma, da luta diária dos professores que insistem, insistem e continuam apesar dos pesares, dos impostos sobre impostos elevando a arredação a recordes todos os anos, a falta de contrapartida do poder público, quando vejo as manobras de Brasília, os lobistas, as bancadas, os discursos ufanistas como se tudo estivesse a mil maravilhas, como se protesto fosse “baderna”, como se a insatisfação fosse “golpe”, quando vejo os caras, as caras, o cinismo, os abraços e apertos de mão, os elogios de Lulas a Sarneys, e Malufs e afins, vejo essa cena abaixo que “roubei” da página do meu amigo Caio.

Não haverá solução enquanto apenas apontarmos e não nos reformarmos por dentro, enquanto dissermos “é lá”, sem perceber que também é aqui, enquanto não entendermos que, de um jeito ou outro, o problema também está em mim e você. Comecemos em nós para depois enxergarmos em mais gente, para colocarmos as coisas em seus devidos lugares, para que um dia essa mesa seja do tamanho do mundo.1424424_10202396759429180_1771241540_n

Encontros Rio e BH

Padrão

Amigos, sexta que vem estarei no Rio, sábado em BH. Serão dois Encontros, duas oportunidades para nos conhecermos pessoalmente, compartilharmos ideias, falarmos sobre espiritualidade e gente. Para quem ainda não se inscreveu, são vagas limitadas, quinta feira é o último dia. Programe-se para vir, tenho certeza que lhe fará muito bem. Inscrições e informações em encontrospelobrasil@gmail.com

O risco da conquista

Padrão

A semana útil começa agora e, talvez, você esteja cheio de planos. É natural que assim seja. A gente se prepara, se inquieta, enquanto mira objetivos, pensa no que fazer, qual o caminho a seguir, a melhor maneira de “chegar lá”, seja esse “lá” onde for.

Nem sempre o “alvo” é material. Tem gente que acordou pensando no “fulano”, na “sicrana”, ou quem sabe em uma condição de vida diferente da atual, outro contexto, outros cenários, tudo novo.

É saudável querer mudar, é natural que assim seja, no entanto, considere por um instante o que vou lhe dizer: Antes de pensar em conquistar qualquer coisa, qualquer pessoa, qualquer objetivo, ocupe-se em conhecer a si mesmo e, então, saberá se de fato se precisa daquilo. Nada em sua vida mudará substancialmente enquanto seu movimento for unicamente na direção de conquistar o que quer que esteja fora de você. Essa busca nos sequestra.

Toda fixação na conquista produz movimentos artificiais, sem harmonia, distraídos, desvinculados ao que de fato você é.

Ainda que o objetivo seja atingido, o risco é você perder-se por completo nesse processo, ficando dependente do que antes era alvo, lícito, justificável, por que não? mas agora, te desviou de si mesmo, fundiu-se ao seu ego, e, sutilmente, apenas na fixação da conquista, finalmente te conquistou. Que seu hoje seja cheio de discernimento e paz. Apenas pense sobre isso.