No programa do Jô.(atualizado)

Padrão

2845172505_55dea60566

Semana que vem estarei em São Paulo gravando o programa do Jô na rede Globo para falar sobre meu livro “Dez histórias e Algo Mais“. (A venda nas principais livrarias do país ou no site www.besourobox.com.br )

Será uma ótima oportunidade e espero contar com sua audiência.

Depois confirmo a data que irá ao ar.

* A gravação será na terça a tarde.  Ainda não sei quando vai ao ar. Logo que souber te aviso.

Alma pastosa

Padrão

Alma pastosa (originalmente publicado em Agosto do ano passado)

Tenho ouvido cada vez mais que o Brasil vive um momento mágico.

Números da economia revelam que as coisas vão bem e o aumento do consumo denuncia que as pessoas estão comprando cada vez mais.

Mas o aumento do consumo nem sempre é referência ideal a medida em que a dependência de financiamentos com juros astronômicos é o que mantém as pessoas primeiro consumindo, depois se endividando.

Lojas de varejo, roupas, supermercados, eletrodomésticos, móveis, viraram verdadeiros bancos com cartões próprios e incentivando as “parcelas”.

Geralmente embutem os juros no preço total de tal maneira que o consumidor não ve vantagens em comprar a vista.

O que tem acontecido no Brasil – e no mundo – é um grande estímulo ao consumo.

Aliás, é o consumo que move a economia do mundo.

Se os difíceis anos de inflação não permitiam a aquisição de bens com facilidade, hoje as “pequenas” parcelas estimulam e muito aqueles que não conseguiam comprar.

Enquanto somos bombardeados com informações do que é bom, bonito e virtuoso, tentamos seguir um padrão acreditando que é consumindo que chegaremos lá.

Já não me incomodo se existe corrupção, se tem gente sofrendo ou se a longo prazo todos sairemos perdendo, se hoje eu puder me beneficiar.

Beneficio é a palavra !

Nas mensagens religiosas, discursos politicos, campanhas publicitarias a idéia é fomentar no povo a sensação de que o beneficio é imediato, merecido e virá , desde que você consuma. E aí cada um oferece seu produto.

Assim, nos levam a alma.

Se a vida é tão difícil e todo mundo quer levar vantagem, eu só quero saber de me dar bem custe o que custar.- pensam.

Claro que nem todos são assim, mas se você parar para pensar, em maior ou menor grau todos temos um pouco disso.

Você cede a medida que lhe convém. Diz o que te beneficia e tende a aparentar o que agrada a média. ( leia “o politicamente correto” aqui no blog)

Conhecedores dessa condição, politicos, religiosos, empresários e formadores de opinião em geral fazem o jogo: nos dão a sensação de que eu posso , desde que……..

Quando meus valores são baseados naquilo em que aparento ter ou ser, minha alma começa a virar pasta. Vai se moldando as circunstâncias, acomodando com as situações e perdendo a forma.

Mas para quem quer que eu consuma sempre mais, não é bom que eu seja eu. Melhor me convencer a tentar ser o Brad Pitt ou ela a Angelina Jolie. 

Pensar, discernir os discursos, entender o que é bom, saber de que lado estou e como me posicionar faz mau aos negócios.

Ter posição é difícil.

Tem vento soprando de todos os lados, mas todos levam para o mesmo lugar.

Nossas vidas não são geridas por ideais, mas por números e interesses que no fim das contas só servem para tapar vazios existenciais de gente que , por não ser, quer ter: Ter cada vez mais.

Eu estou sujeito a isso.

Por isso entendo que avaliar o que sou, re-checar minhas motivações, entender porque cheguei aqui e o que quero onde estou é fundamental.

Passar o scnanner na alma pode ser dificil mas impede que ela seja infectada pelo vírus da imbecilização.

Se você disser que contigo não é assim ou sentir que está livre desse ciclo, preocupe-se : provavelmente já está infectado.

Outro sintoma da infecção é quando deixo de me preocupar com o coletivo, acreditando que só vale o que acontece comigo.

 Super aquecimento global vira papo de ecologista,  críticas ao capitalismo desenfreado vira conversa de comunista e preocupação com a alma das pessoas , história de religioso.

Quando esse sentimento é só meu sou eu quem perde, mas quando ele se dissemina no inconsciente coletivo de um povo, todos perdem.

Estamos expostos a sutilezas diárias que procuram nos conquistar e como não se conquista sem expectativas, toda a sorte de possibilidades são lançadas.

Gostar de futebol, ir a igreja, comer churrasco com os amigos ou rir de tudo não é sinal de que estamos em paz.

Tenha coragem de se olhar no espelho e entender em que ponto você está nessa roda vida. Onde você quer chegar ? Quais suas reais motivações e porque ?

Faça isso.

Enquanto você aceitar ser o que os relatórios estatisticos dizem ou o que média espera, será tudo, menos você.

Coragem ! Por mais dificil que seja scannear a alma, saiba que do outro lado te espera alguém muito melhor.

Livre de esteriótipos e de dificil manipulação. De alma inteira e coração aberto, pacificado sabendo que os verdadeiros valores estão naquilo que sou.

Eu continuo nesse caminho e espero te encontrar nele.