Ostra feliz não faz pérola

Padrão

Um dos meus passatempos preferidos aqui em Porto Alegre é passear entre os livros da livraria Cultura do Bourbon Country.

Entre um e outro, vi o livro do ótimo Rubem Alves : “Ostra feliz não faz pérola” rubem_alves2

Na parte de trás o texto era mais ou menos assim : Se na ostra não houver um grão de areia, não existiria a pérola.

Ela pensa “esse grão me arranha, machuca, faz mal. Construirei uma superficie lisa que me propicie conforto e me livre desse incomodo, depois faz a pérola.”

Seres humanos permanentemente felizes não criam. Tem que ter um incomodo, uma coceira que não deixa parar e nos faz queremos transformar areias e pérolas.

Grande Ruem Alves !

5 comentários sobre “Ostra feliz não faz pérola

  1. Claudio Medeiros

    Que perfeita visão da vida… Acho que é por isso que já estou trabalhando HOJE o meu 2009…

    Feliz ano novo!

  2. Raquel de Oliveira

    Já li esse livro.
    Vale muito a pena!
    E concordo com a frase desse conceito: Pérolas são produtos da dor, uma ostra que não foi ferida, não produz pérolas.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s