Evitar as vitórias sobre o chefe.

Padrão

Mais uma do Baltasar Gracián ( essa eu deveria ter lido antes !*rs):

 

Toda derrota é odiosa e, se é sobre o chefe, ou é tola ou é fatal.

 

 A superioridade sempre foi odiada, mais ainda pelos superiores. O sábio deve ocultar as vantagens mais comuns, assim como se disfarça a beleza com o desalinho.

 

É possível encontrar quem aceite ser superado em sucesso e em caráter, mas ninguém quer ceder em inteligência, muito menos um superior.

 

É este o maior dos atributos e por isso qualquer crime contra ele será de lesa-majestade.

 

Quem é poderoso quer sê-lo no mais importante.

 

Os chefes gostam de ser ajudados, mas não superados. Ao aconselhá-los, é melhor que o aviso pareça uma lembrança de algo esquecido, em vez de ser luz do que não se alcançou.

 

Os astros, com acerto, nos ensinam essa sutileza, pois ainda que sendo filhos brilhantes nunca competem com o brilho do Sol.

Anúncios

Um comentário sobre “Evitar as vitórias sobre o chefe.

  1. Risos, muitos risos.

    E sei quem entendeu o sentido do texto também está rindo.

    Particulamente eu falo, trabalhar para chefe burro ou que tem medo de nossa inteligência é uma das coisas mais terríveis da vivência empresarial.

    Em casos tristes assim é necessário fingir ser low-profile, ao menos na nossa visão, pois as vezes o que é ser low-profile para um funcionário excepcional é ser um funcionário excepcional para um chefe burrinho.

    E quem pede com isso? Todos! A empresa, o funcionário e até o próprio chefe burrinho.

    Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s